Voltar ao topo

foto1 foto2 foto3 foto4 foto5






O Agrupamento de Escolas da Damaia está a lançar a campanha «Apadrinhe um quadro do Museu do Prado». A todos é feita a proposta de, individualmente ou em grupo, apoiarem a pintura, em particular, e a cultura, em geral.
Acessos: 6
0
0
0
s2sdefault

No dia 22 de março, o Agrupamento de Escolas da Damaia vai atravessar a ponte 25 de Abril.
A meia-maratona e a prova dos 10 Km vão demonstrar que o espírito de Agrupamento e o sentido de pertença, em sintonia com o Projeto Educativo, nos levam mais longe.

Acessos: 4
0
0
0
s2sdefault

(PREVPAP) - Aviso de Abertura

Está aberto o procedimento concursal comum, destinado ao preenchimento de 2 (dois) postos de trabalho para as funções correspondentes à categoria de Técnico Superior, do Agrupamento de Escolas da Damaia, na modalidade jurídica de emprego público por tempo indeterminado, restrito a candidatos abrangidos pelo programa de regularização extraordinária de vínculos precários (PREVPAP).

Mais se torna público que serão divulgados, por aditamento de novos anexos, neste mesmo sítio, todos os documentos relativos a este concurso.

Anexos:
Ata nº 1
Anexo 1- Grelha de avaliação curricular
Anexo 2- Aviso de abertura

Acessos: 12
0
0
0
s2sdefault

Pelo quarto ano consecutivo, os estudantes do 3.º ciclo do ensino básico e do ensino secundário vão poder decidir o que querem melhorar na sua escola. Para isso, precisam de ter uma ideia, reunir apoio e, claro, conseguirem os votos dos colegas! Trata-se de um processo democrático que acontece em cada escola.
As propostas poderão ser apresentadas até 28 de Fevereiro e a melhor proposta será selecionada por votação no final de março.
Consulta toda a informação em: https://opescolas.pt/
Acessos: 14
0
0
0
s2sdefault

No âmbito das comemorações do patrono da escola, Professor Pedro d’Orey da Cunha, vão decorrer diversas atividades ao longo da semana de 10 a 15 de fevereiro. As iniciativas, algumas em parceria com o Projeto Pelotão 2030, incluem exposições, torneios de basquetebol, entrega de prémios de excelência, concertos, sessões de cinema, celebração do dia de S. Valentim. Irá ainda ter lugar a atividade “Até onde nos leva o amor?” como forma de sensibilização para as relações saudáveis. No dia 15, sábado, entre as 10h e as 16h, decorrerá a “3ª Caminhada pela Saúde e pelo Ambiente” que inclui a limpeza e separação do lixo do recinto escolar e a pintura de alguns espaços exteriores da escola.

Convidamos toda a comunidade a estar presente e a participar nesta iniciativa trazendo um almoço para partilhar e uma trincha para pintar.

Acessos: 34
0
0
0
s2sdefault

A convite da Escola, o Dr. Daniel Sampaio, Professor Catedrático Jubilado de Psiquiatria e Saúde Mental da Faculdade da Medicina da Universidade deImage result for professor doutor Daniel Sampaio" Lisboa, fez uma palestra no nosso auditório, no passado dia 30 de janeiro, sobre a “Adolescência”.

O Professor Doutor Daniel Sampaio solicitou a todos os participantes questões dentro da temática definida para que a sua intervenção fosse mais direcionada, o que nos permitiu refletir sobre o que são doenças mentais e perturbações de personalidade, quais os fatores de risco, que procedimentos devemos ter e, o mais importante, qual a relação e qual o tipo de comunicação que devemos estabelecer com os nossos alunos em contexto escolar.

Para comunicar com um adolescente, são necessárias ferramentas específicas, que os professores podem e devem encontrar dentro de si próprios. Uma delas é saber ouvir e ter a capacidade de não julgar. Outra é não colocar-se como exemplo e dizer "eu já passei por isto". Não desvalorizar o que o adolescente diz, nem se mostrar distraído enquanto este o faz. Sobretudo, não desperdiçar uma oportunidade de conversa com ele, seja curta ou extensa, justificando "que não se tem tempo" ou porque considera o assunto irrelevante. O conceito de "escuta ativa" (e reflexiva) é o indicado para interagir com o jovem, pois este, mais do que procurar que lhe deem soluções, quer encontrá- -las por si mesmo.

Os alunos não precisam de paternalismo, mas sim de perceber, em momentos pontuais, que estamos aqui para os ouvir. As “chamadas de atenção” dentro da sala de aula, junto dos seus colegas, são contraindicadas, sempre que necessário, é preferível, no final da aula chamar o aluno e conversar com ele um pouco. Não devemos deixar para amanhã, nem deixar cair em “saco roto”. Devemos evitar o confronto direto em sala de aula, porque o aluno que desafia pretende o conflito direto com assistência. Impor os limites e estabelecer regras é muito importante, uma vez isto interiorizado, o trabalho em contexto de sala flui com mais facilidade.

A autoridade clássica, que é mais autoritarismo que autoridade, não funciona com os jovens de hoje, estes têm a perfeita noção dos seus direitos. Portanto, é preciso criar outro tipo de autoridade, uma autoridade naturalmente baseada na relação.

 

No final, este encontro acabou por ser uma “lufada de ar fresco” e um redirecionar de caminhos. A todos os presentes, um sincero obrigado com esperança de que a palestra tenha sido útil nas vossas aprendizagens.

 

Ao Professor Doutor Daniel Sampaio, um especial agradecimento por ter estado presente na nossa Escola e votos de muito êxito no lançamento do seu próximo livro.

Acessos: 40
0
0
0
s2sdefault

Aviso a toda a comunidade educativa: 
Alunos, Encarregados de Educação, Pessoal docente e não docente 


Durante o presente ano letivo está a ser implementado um processo de diagnóstico do agrupamento, envolvendo toda a comunidade educativa, dando cumprimento ao estabelecido na Lei n.º 31/2002, de 20 de dezembro que diz respeito à autoavaliação das escolas, processo este que consideramos fundamental para podermos evoluir positivamente na qualidade das respostas educativas que oferecemos.

O modelo de autoavaliação europeu CAF Educação (Common Assessment Framework) foi o adotado por ter dado provas de eficácia no apoio à melhoria do serviço prestado nos Agrupamentos onde foi implementado. O objetivo deste projeto é determinar o estado atual do agrupamento (diagnóstico organizacional e pedagógico) e seguidamente definir o caminho que deve ser seguido (ações de melhoria) para poder ir ao encontro do clima de melhoria contínua que pretendemos. Assim, no mês de maio, vai ser solicitada a participação da comunidade educativa para responder a um questionário sobre o agrupamento.

No espírito do Projeto Educativo, tal como está inscrito nos seus objetivos, o Agrupamento de Escolas da Damaia tem como prática “valorizar o contributo de todos os membros da comunidade educativa na construção de uma escola para todos” devendo ser um espaço reflexivo, participativo e de aprendizagem constante, promotora da inovação no ensino e aprendizagem e ao nível da gestão escolar. Neste sentido,  contamos  o vosso contributo!

Para consultar o Planeamento Estratégico, clique aqui

A equipa de autoavaliação

Acessos: 40
0
0
0
s2sdefault

Recebemos no passado dia 15 de Janeiro, na nossa escola, o Professor Carlos Neto, Professor Catedrático da Faculdade de Motricidade Humana e Investigador do Laboratório de Comportamento Motor da FMH. 

 

A convite da Escola, o Professor Carlos Neto, um dos principais especialistas nacionais e internacionais em desenvolvimento infantil, teve a oportunidade de, durante um período da tarde, partilhar, com os professores, o seu ponto de vista e o resultado de anos de investigação e prática aplicada.

 

Sob o tema “Brincar Livre e Estruturado nos Recreios Escolares – Conflitos e Gestão de Comportamentos Negativos”, abordou temáticas como: Qual a Importância que o Brincar e os Espaços de Recreio têm no Desenvolvimento da Criança; a diferença entre Indisciplina; Violência e Bullying e o Brincar enquanto forma de Prevenção de Conflitos e Gestão de Comportamentos Negativos. 

 

Ainda em conversa informal houve oportunidade de dar a conhecer o Projeto “Ensino em Par Pedagógico em Expressão e Educação Físico-Motora, Musical e Plática no Pré-Escolar e 1º Ciclo”, do Agrupamento de Escolas da Damaia, o qual teve uma grande recetividade por parte do Professor, demonstrando desde logo a sua disponibilidade para apoiar a escola no desenvolvimento de projetos educativos, pois considera que esta se enquadra naquilo que são as boas práticas ao nível da Educação, ficando desta forma em aberto futuros contatos para colaboração e possíveis novos desafios.

 

A todos os Professores e Técnicos do nosso Agrupamento, que estiveram presentes, um sincero obrigado, ao Professor Carlos Neto um até breve, uma porta aberta com um volte sempre. Obrigado pela partilha da sua vasta experiencia, do seu conhecimento e da sua paixão.

 

 

O Diretor

José Pontes

Acessos: 39
0
0
0
s2sdefault

Iniciar Sessão